Domingo, Novembro 27, 2022
InícioFestivaisCurtas: Nas alturas, 'Ice Merchants' e 'Nest' vencem 30ª edição

Curtas: Nas alturas, ‘Ice Merchants’ e ‘Nest’ vencem 30ª edição

Carlos Lobo foi distinguido Melhor Realizador, com Aos Dezasseis. Mistida, de Falcão Nhaga, venceu prémio Take One.

Sem surpresas. Poder-se-á dizer, tanto da animação de João Gonzalez, como do conto juvenil do islandês Hlynur Pálmason, ao vencerem, respectivamente, a Competição Nacional e Internacional do 30º Curtas de Vila do Conde. Juntando-se ainda o prémio do público para Ice Merchants.

E a ausência de surpresa prende-se justamente pelo facto de ambos virem já consagrados com fortes presenças em festivais internacionais. De um lado, Ice Merchants, vencedor da Semana da Crítica, em Cannes; do outro, Nest, um filme integralmente cumprido pelo plano fixo, ao longo das estações do ano, de uma casa no topo de um poste, presente este ano na Berlinale Special. Já agora, também Carlos Lobo, trouxe na bagagem a presença na Berlinale.

Nada a dizer dos méritos próprios, até com a curiosidade de ambos ilustrarem na sua narrativa numa casa presa na altitude e de incluírem um ponto de vista infanto-juvenil. Ainda assim, diante da riqueza de ambas as secções, talvez não fosse difícil encontrar outros filmes, igualmente merecedores de distinção. Sem beliscar os méritos de João Gonzalez, tanto Raticida, de João Niza Ribeiro, como Garrano, de David Doutel e Vasco Sá (vencedor do prémio do público SPA), teriam sido justos vencedores.

No panorama internacional, a Melhor Ficção foi para o dilema presente no filme espanhol Cuerdas, de Estibaliz Urresola Solaguren, igualmente presente em Cannes no concurso de melhor curta. Quanto ao Melhor Documentário, a escolha recaiu sobre o filme russo Haulout, de Evgenia Arbugaeva e Maxim Arbugaev, sobre o avanço de milhares de morsas migrantes, testemunhadas por um biólogo marinho, durante dez anos, perante o aquecimento da água que proximidade com a imensidão de cerca de 100 mil morsas, na costa siberiana do Árctico. A Melhor Animação foi para o filme Scale, de Joseph Pierce. 

Os filmes premiados podem ainda ser vistos nas três sessões preparadas pelo Curtas.

Palmarés 30º Curtas Vila do Conde

Competição Nacional

Melhor Filme: Ice Merchants, de João Gonzalez
Melhor Realizador: Carlos Lobo, por Aos Dezasseis

Competição Internacional

Grande Prémio: Nest, de Hlynur Pálmason (Islândia)
Melhor Ficção: Cuerdas, de Estibaliz Urresola Solaguren (Espanha)
Melhor Documentário: Haulout, de Evgenia Arbugaeva e Maxim Arbugaev (Reino Unido/Rússia)
Melhor Animação: Scale, de Joseph Pierce (Reino Unido)
Candidato Curtas aos Prémios Europeus de Cinema: The Potemkinists, de Radu Jude (Roménia)

Competição Experimental

Darkness, Darkness, Burning Bright – Oraison, de Gaëlle Rouard (França)

Take One!

Mistida, de Falcão Nhaga

RELATED ARTICLES

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Advertisment -
Google search engine

Most Popular

Recent Comments