Segunda-feira, Agosto 8, 2022
Google search engine
InícioClássicosIl Cinema Ritrovato XXXVI edizione: 'Carmen' de Francesco Rosi em antestreia de...

Il Cinema Ritrovato XXXVI edizione: ‘Carmen’ de Francesco Rosi em antestreia de gala

Como descrever a primeira experiência no Il Cinema Ritrovato e esse sensacional mergulho pelo património do cinema restaurado? Agora com o seu regresso, de novo com público. Há 36 anos que Bolonha partilha com o seu auditório aficionado esta mostra dirigida por Gian Luca Farinelli empenhada na redescoberta de filmes recuperados pelo laboratório da Cineteca di Bologna, seguramente, um dos mais relevantes do mundo. Seja em projecções memoráveis (e gratuitas!) na Piazza Maggiore (com uma programação diária que acompanha todo o verão), seja nas várias salas de cinema da cidade capital da região Emilia Romagna.

Gian Luca Farinelli (foto: Lorenzo Burlando)

A nossa estreia absoluta na Piazza Maggiore foi com Carmen, de Francesco Rosi, o fresco musical de 1984, com uma admirável cópia nova, devidamente acompanhada por uma orquestra ao vivo. Na verdade, uma ante-estreia de gala, já que foi no dia anterior ao início do festival, celebrando em tom operático o centenário do nascimento de Rosi. Ele que aceitou a proposta do genial produtor Daniel Toscan du Plantier, director geral da Gaumont, para realizar um filme sobre ópera, mas que defendesse a causa cinema.

Carmen (Foto: Medici tv)

E é o que temos em Carmen, a famosíssima ópera de Bizet (de 1875), mesmo apesar das reticências iniciais do cineasta, dada a sua pouca proximidade com o registo. Aliás, haveria de referir mais tarde que “Carmen é uma das óperas mais cinemáticas”. Filmada nas paisagens espanholas e com som directo, esta grandiosa produção permitiu ainda ao cineasta italiano (vencedor da Palma de Ouro, ha 40 anos, em 1972, em Cannes, com o filme Caso Mattei) captar uma diversidade de registos, em que a impressionante prestação de Julia Migenes alcança talvez a sua maior prestação, permitindo até a Placido Domingo crescer no ecrã.

Sim, estava aberto Il Cinema Ritrovato, uma mostra com perto de 400 filmes restaurados para exibir, ao longo de nove dias (entre o dia 25 de Junho e 3 de Julho), em diversas salas da cidade de Bolonha, com destaque para as sessões gratuitas da noite na Praça Maggiore, que se prolongam mesmo depois do festival, até ao final do verão.

Paulo Portugal
Paulo Portugal
Insider Cinema, festivais, entrevistas e críticas. E algo mais.
RELATED ARTICLES

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Advertisment -
Google search engine

Most Popular

Recent Comments