Agosto 19, 2019
insider

Veneza 75: Será o melhor programa de sempre? Para já, cinco filmes imperdíveis. Mas podiam ser mais…

Também no cinema, os prognósticos antes dos filmes valem o que valem. Ainda assim, à laia de isco, servimos aqui cinco aperitivos que seguramente não nos irão passar ao lado nesta muito prometedora 75ª edição do Festival de Veneza (até dia 8 de setembro). Não falta até quem argumente que poderá muito bem ser a melhor de sempre.

Pelo menos tem o incentivo de abraçar uma forte presença da Netflix e, como se adivinha também (e já vai sendo hábito), alguns indicadores para os Óscares do próximo ano. Seja como for, o line-up dos candidatos ao Leão de Ouro supera em muito o que temos visto nos principais festivais concorrentes, Berlim e Cannes. Como gostaríamos de assistir às reuniões com o júro liderado por Guillermo del Toro. Mas por aqui andaremos a dar conta do que vamos vendo…

Tudo começa amanhã com Ryan Gosling a dar um big step for Man, em First Man, em novo reencontro com Damien Chazelle, e terá ainda Lady Gaga a mostrar ao ator realizador Bradley Cooper o caminho da fama no novo remake de Assim Nasce uma Estrela.


Roma

De Alfonso Cuarón

Alfonso Cuarón pinta a preto e branco um retrato comprometido e autobiográfico do México nos anos 70. Um projeto da Netflix que falou Cannes, mas que assume agora toda a sua força.


The Favourite

De Yorgos Lanthimos

O grego Yorgos Lanthimos vai fundo no tema de época ao captar as reais excentricidades de Rachel Weisz, Emma Stone e Olivia Colman neste delirante cenário em pleno século XVIII.


Suspiria

De Luca Guadagnino

Confiamos em Luca Guadagnino para deitar a mão a este muito desejado remake do mestre Dario Argento. Ainda por cima com a presença de  Tilda Swinton e Dakota Johnson. Só pode ser coisa boa.


Sunset

De László Nemés

Depois do hype de O Filho de Saúl, o húngaro László Nemés oferece agora uma visão do seu país antes da Primeira Guerra Mundial. A curiosidade está no máximo.


Nuestro Tiempo

De Carlos Reygadas

No final, outro mexicano, Carlos Reygadas a oferecer-nos um ousado tour de force de três horas em que o cineasta contracena com a sua própria mulher e as suas filhas.

 

Sobre Paulo Portugal 776 artigos
Insider Cinema, festivais, entrevistas e críticas. E algo mais.

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*


Google Analytics