Fevereiro 16, 2019

‘Temporada da la Caza’ vence 2º festival de Macau

A equipa de 'Temporada de Caza'

O filme argentino Temporada de Caza, de Natalia Garagiola, sobre a fase de transição e desatino de um adolescente com o seu pai na Patagónia, foi o grande vencedor do 2º FFFAM, o Festival Internacional de Cinema e Cerimónia de Entrega de Prémios Macau, num evento apresentado por Astrid Chan Chi Ching and Laurence Cheng Tan Shui no Centro Cultural de Macau.

Temporada de Caza

Esta foi a decisão do júri da competição internacional, integrada por primeiras e segundas obras de realizadores, presidido por Laurent Cantet e complementado por Joan Chen, Jessica Hausner, Lawrence Osborne e Royston Tan dos dez filmes programados pelo diretor artístico Mike Goodridge.

O júri do 2º IFFAM

Um prémio que vem confirmar um percurso bastante positivo, depois de ter vencido já o Prémio do Público, na secção Semana da Crítica do festival de Veneza. De resto, Veneza parece ter sido uma das principais fontes de inspiração para Mike Goodridge, já que integrou também na secção principal alguns pesos pesados. Desde logo Foxtrot, do israelita Samuel Maoz, um dos mais fortes candidatos, e o nosso preferido, sobre o trauma psicológico de um casal ao receber a notícia da morte do filho num incidente durante o serviço militar. Venceu agora o Prémio de Argumento, na sequência do Grande Prémio do Júri em Veneza. Registe-se que Foxtrot acaba de integrar a short list das nomeações ao Óscar de Melhor Filme Estrangeiro.

Samuel Maoz, Foxtrot

O outro grande vencedor foi também Jusqu’à la Garde, ou Custody, na tradução internacional, um filme surpreendente e avassalador da estreia de Xavier Legrand, aqui a adaptar uma curta da sua autoria, sobre a evolução psicológica de um casa separado e desavindo com a custódia legal do filho. Repete agora o prémio de Realização, o mesmo que havia ganho também no festival italiano. O filme ganharia ainda o prémio pela incrível interpretação, de forte dimensão psicológica, do rapaz Thomas Gioria nesta sua primeira prestação como ator.

De referir ainda a prestação da britânica Jessie Buckley, em Beast, de Michael Pearce, ao ser considerada pelo júri como a melhor interpretação feminina dos filmes em competição.

No discurso de encerramento, a Presidente do Comité de Organização do IFFAM, Maria Helena de Senna Fernandes, mostrou-se satisfeita pelo esforço e compromisso de “ajuda aos jovens realizadores a entrarem no mercado global da indústria de cinema e a alcançares novos sucessos” para além da plataforma de trocas com outros profissionais de forma a “treinar cineastas macaenses a alargar as suas perspectivas internacionais.

 

Palmarés do IFFAM:

Melhor Filme: TEMPORADA DE CASA

Prémio do Júri: WRATH OF SILENCE

Melhor Realizador: Xavier Legrand por CUSTODY

Melhor Ator: Song Yang por WRATH OF SILENCE

Melhor Atriz: Jessie Buckley por BEAST

Melhor Jovem Ator: Thomas Gioria por CUSTODY

Melhor Argumento: Samuel Moaz por FOXTROT

Melhor Contribuição Artística: Diretor de Fotografia Benjamin Kracun por BEAST

Sobre Paulo Portugal 722 artigos
Insider Cinema, festivais, entrevistas e críticas. E algo mais.
Google Analytics