Outubro 21, 2020

Hollywood sob fogo: Hacker ataca Netflix, ABC e Disney

FUNDERDOME - ABC’s "Funderdome" is hosted by Steve Harvey. (ABC/Lisa Rose)

TheDarkOverlod, o grupo que está a ameaçar as grandes produtoras de cinema, prometeu ao site The Hollywood Reporter que haverá mais ataques na indústria cinematográfica, quando perguntado se o grupo planeava divulgar conteúdo adicional de Hollywood, junto com oito episódios do Funderdome, da ABC.

“Não estamos no negócio para assustar ninguém. Estamos nisto para ganhar muito dinheiro através da internet” o grupo esclarece, mas garante: “Não se enganem, Hollywood está sob ataque”.

TheDarkOverlod ainda afirma ter filmes em estúdio e de redes como IFC e National Geographic, além de séries ainda não lançadas. A Netflix, Disney, e ABC recusaram-se a pagar os pedidos de resgate. Entretanto, os comentários recentes feitos por Bob Iger, CEO da empresa-mãe da Disney, afirmaram que a Disney não foi hackeada. “Fomos ameaçados de um possível roubo de um filme”, Iger completou.

“Os hackers estão a jogar com o pior tipo de situação – que causa danos reais após fazer ameaças reais”, diz Hemanshu Nigam, ex-promotor federal de crime cibernético em Los Angeles e primeiro diretor de segurança da News Corp. “Essas vazamentos podem limitar a forma como os espectadores verão os conteúdos, pois estragam-lhes o final”.

Sobre um estúdio optar por atender às demandas de resgate, o FBI não garante que os bens roubados serão devolvidos. “Em muitos casos, os hackers não restauram arquivos mesmo depois que um resgate é pago” afirma um porta-voz da agência.

O grupo TheDarkOverlord nega modificações dos conteúdos vazados, com más intenções, e garante que, uma vez de acordo, sempre devolve os arquivos roubados.

 

Sobre Ana de Oliveira 36 artigos
Escritora, poeta, jornalista e mais uma data de coisas.

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*


Google Analytics