Novembro 14, 2019
insider

House of Cards: Spacey diz que a 5ª temporada não compete com a realidade

A série política House of Cards regressou nesta terça-feira na plataforma streaming da Netflix para a sua quinta temporada – a primeira sem o criador Beau Willimon, que foi substituído por Melissa James Gibson e Frank Pugliese. A quinta temporada retoma a tensão das eleições presidenciais, nas quais disputam o actual presidente e o candidato republicando Will Conway. Frank busca a ajuda de Claire para garantir o segundo mandato, e impedir a investigação aos seus crimes.

“Eu sei que toda a gente quer fazer uma comparação entre a realidade alternativa e a ficção com acontecimentos reais” Kevin Spacey, que interpreta Frank Underwood, diz a vários jornalistas. “Não estamos preocupados em competir com a realidade”. Além disso, o actor esclareceu que não quer participar de um diálogo sobre o presidente actual, Donald Trump.

Spacey, quando questionado sobre o cárater de Underwood, ainda disse que tenta não se posicionar moralmente em relação às personagens que interpreta, pois o seu papel não é este. Para ele, quem deve tomar esta posição é o público, ao dizer como se sente em relação às personagens.

Para além de um enredo que parece descrever a actual situação política nos Estados Unidos, o primeiro teaser da quinta temporada foi divulgado justamente no dia da posse do actual presidente Donald Trump, onde os protestos conta Frank Underwood podem ser facilmente comparados aos protestos contra Trump. Kevin Spacey diz não haver competição com a realidade, mas as semelhanças com a política actual continuam a existir.

Em Portugal, a série é exibida pelo canal TVSéries.

 

 

Sobre Ana de Oliveira 36 artigos
Escritora, poeta, jornalista e mais uma data de coisas.

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*


Google Analytics