Junho 16, 2019
insider

Curtas portuguesas na Semana da Crítica em Cannes

Mesmo sem filmes no concurso para a Palma de Ouro da 69ª edição do Festival de Cannes, o cinema português não deixa de se mostrar na Croisette. Desta feita, na 55ª sessão da Semana da Crítica, a secção paralela, com as curtas Ascenção, de Pedro Peralta, nascido em 1986, e Campo de Víboras, de Cristèle Alves Meira. Uma secção onde têm sido descobertos vários talentos do novo cinema do mundo. 

No entanto, antes ainda de Cannes, ambas as curtas poderão ser vistas em Portugal, na programação em competição nacional e internacional de curtas no IndieLisboa, a partir de hoje, dia 20, em diversas salas da capital.

Ascenção narra em 17 minutos os silêncios e a angústia do resgate de um corpo no interior de um poço, e será exibida na competição internacional e nacional, ao lado de Balada de um Batráquio, de Leonor Teles, premiada em fevereiro passado com o Urso de Ouro, em Berlim. Ao passo que Campo de Víboras, da realizadora francesa de ascendência lusa, uma história transmontana com Ana Padrão, Simão Cayatte e Ana Brito e Cunha, é exibida apenas da competição nacional de curtas metragens do Indie.

Sobre Paulo Portugal 765 artigos
Insider Cinema, festivais, entrevistas e críticas. E algo mais.

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*


Google Analytics